j

"TÃO PERTO...TÃO LONGE"

Posted by JUCIARA OLIVEIRA - -

Jesus,o Rei dos judeus.

Jesus Cristo,o maior exemplo de vida que já existiu,
Aquele que era,que é e que sempre será...
O cenário de Jesus sempre foi simples,como poderia o Messias vir de uma família simples de Israel?
Um Rei nascer em uma manjedoura por falta de um lugar onde se hospedar? Como poderia faltar lugar para hospedar o Rei dos reis? José e Maria tinham dinheiro para se hospedarem em Belém,eles foram para uma manjedoura porque a cidade estava cheia devido a época e não havia mais lugar para se hospedarem.
Deus muitas vezes gosta de confundir,Ele não usa a lógica humana porque Ele não é humano. 
Muitas vezes queremos entender as coisas espirituais pelo natural,isso é completamente impossível,você só compreender o que é espiritual,através do seu espírito,quando você se posiciona como espírito,vendo espiritualmente,pensando espiritualmente e agindo espiritualmente.
Jesus veio para o mundo em uma embalagem  simples,porém com um precioso CONTEÚDO. 
O próprio Filho de Deus.
Jesus Cristo, o único feto no mundo a ser gerado pelo Espírito Santo,porque Ele tinha que ter o DNA do seu Pai.
Ele foi gerado no ventre de sua mãe de modo sobrenatural,mas a gestação e o parto de Maria foi normal como o de qualquer outra mulher.

(Mateus 1:20) Um anjo do Senhor apareceu a José em sonho e disse: 
- José não tenha medo de receber Maria como sua esposa,pois ela está grávida pelo Espírito Santo.

A natureza sempre foi uma fiel testemunha de Deus;Ele sempre se utilizou da natureza como cumprisse dos seus projetos aqui no mundo.
A estrela em Belém anunciou ao mundo a chegada do Messias,o Rei dos judeus;

( Mateus 2:2) - Onde está o menino que nasceu para ser o rei dos judeus?Nós vimos a estrela dele no Oriente e viemos adora-lo.


Jesus teve uma infância normal como qualquer outro judeu,um menino comum,filho de um simples carpinteiro,depois de ter Jesus a sua mãe Maria teve outros filhos,eram praticamente uma família "normal"aparentemente,porque aquele que nasce com o DNA do próprio Deus nunca será normal e sim muito especial!
Jesus o filho de José e Maria, ou seja,o Filho de Deus crescia em estatura,conhecimento e sabedoria...
E agora como homem e prestes a iniciar o seu ministério aqui na terra,Ele recebe o Espírito Santo,o mesmo Espírito que engravidou Maria lembra?
Agora ele vem ungir o Filho de Deus no seu batismo para dar início ao seu ministério.


(Marcos 1:9) Jesus veio de Nazaré,uma pequena cidade da região da Galileia,e foi batizado por João Batista no rio Jordão.
No momento em que estava saindo da água,Jesus viu o céu se abrir e o Espírito de Deus descer como uma pomba sobre ele.E do céu veio uma voz,que disse: 
- Tu és o meu Filho querido e me dás muita alegria.


Jesus,o Rei dos judeus.

Durante o seu ministério Jesus foi mal interpretado,mal entendido na maioria das vezes no meio de um povo que não conseguiram lhe ver como o Filho de Deus.
Eu acho interessante que em determinadas ocasiões e lugares Jesus não foi aceito e nem reconhecido pelo seu  povo,enquanto que em todos os lugares,a  natureza lhe reconhecia e lhe obedecia como o Filho de Deus;e até os demônios sabiam que Jesus era o Filho de Deus.

(Mateus 8:27)  A tempestade sabia quem era Jesus mais do que os discípulos temerosos... - Que homem é este que manda até no vento e nas ondas?

Haviam dois homens endemoninhados que quando viram Jesus começaram a gritar: 
- Filho de Deus ,o que o Senhor quer de nós?
Jesus expulsou esses demônios que entraram nos porcos  que se jogando no lago morreram afogados;quando os moradores da cidade souberam,pediram à Jesus que fosse embora da cidade.
Jesus só havia libertado dois homens endemoninhados,o que ele havia feito de errado?

Jesus sabia quem ele era e por isso nada e ninguém lhe intimidava,no seu ministério Jesus não teve medo de cara feia e nem recuou com insultos e palavras duras daqueles que não lhe reconheceram como o Filho de Deus. Quando você sabe quem é em Deus,você não se foca nas circunstancias da vida. Nada e ninguém te abala porque você está firme na rocha.
Onde Ele e os seus discípulos não eram aceito,apenas saiam,deixando para traz aquele povo.
Quem perde  não é aquele que joga a semente,mas aquela terra seca que não é capaz de absorver a semente.

(Mateus 10:14) E,se em alguma casa ou cidade as pessoas não quiserem recebe-los,nem ouvi-los,saiam daquele lugar.E na saída sacudam o pó das suas sandálias,como sinal de protesto contra aquela gente,Eu afirmo a vocês que isto é verdade:no dia do Juízo,Deus terá mais pena das cidades de Sodoma e Gomorra do que daquela cidade.

Jesus,o Rei dos judeus.

Jesus é o Salvador para aqueles que recebem a sua salvação;
Jesus é o Deus que sara para aqueles que recebem a sua cura;
Jesus é o libertador para aqueles que recebem a sua libertação;
Jesus é o Príncipe da paz para aqueles que buscam a sua paz;
Jesus é o pão da vida para aqueles que se alimentam dele;
Jesus é a Fonte de Água viva para aqueles que bebem dele;
Jesus é a porta para aqueles que entram por ele;
Jesus é o caminho...para aqueles que andam nele;
Jesus é a verdade...para aqueles que acreditam nele;
Jesus é a vida para aqueles que apenas existem e buscam nele a vida;
Jesus é... e acontece para aquele que crê.

(Mateus 21:10) Quando entrou em Jerusalém,toda a cidade ficou agitada,e o povo perguntava: - Quem é ele?A multidão respondia: - Este é o profeta Jesus,de Nazaré da Galiléia.

Na minha viajem à Jerusalém perguntamos ao nosso guia judeu,quem era Jesus para ele? 
Ele respondeu: 
- Jesus foi um profeta,ele não é o Messias,o Messias ainda vai vir.
Quando estive no Egito perguntamos ao nosso guia palestino quem é Jesus? 
Ele responde: 
- Jesus é um profeta que veio abrir o caminho para Maomé.

Eu imagino Jesus entrando em Jerusalém e enquanto isso,os judeus no muro das lamentações pedindo à Deus para enviar o Messias,o Messias que eles ainda estavam pedindo,estava   entrando na cidade e eles não perceberam.

Tão perto e tão longe...
Nem por isso Jesus deixou de ser o Messias.
Jesus é o Messias para os que reconhecem.




No conselho superior,o Grande Sacerdote diante de Jesus,lhe pergunta: 
- você é o Messias,o Filho de Deus?Quanta cegueira espiritual!
Ele estava diante do Messias e não sabia.
Tão perto e tão longe...
Jesus é interrogado,mal interpretado,acusado falsamente,cuspido,agredido e humilhado.
Agora diante do Governador Pilatos,Jesus é obrigado a ouvir a mesma pergunta: 
- Você é o rei dos judeus? 
Pilatos o Governador estava diante do Rei dos judeus e não sabia.
Tão perto e tão longe...
Jesus é condenado pelo seu próprio povo.
Para os soldados romanos Jesus foi um "palhaço"onde eles se distraíram e se divertiram quando lhe vestiram com uma capa vermelha,uma coroa de espinhos,lhe deram um bastão e se ajoelharam diante dele dizendo: - Viva o Rei dos judeus!Cuspiram e bateram nele com o bastão.
Na cruz puseram acima da sua cabeça uma placa escrita: "Este é Jesus,o Rei dos judeus."


Eles não sabiam que estavam diante do Rei dos judeus,e que haviam escrito a frase certa!
Tão perto e tão longe...
Mas no Dia do Juízo,diante do Trono de Deus eles se lembrarão dessa cena.
Durante todo o seu ministério aqui na terra,em nenhum momento Jesus deixou de ser o Filho de Deus,o Rei dos judeus,pelo simples fato de não ser reconhecido.
Ele nasceu e morreu Rei dos judeus,porque de fato é o que ele é...
Jesus não era movido pelo que via,nem pelo que sentia,mas era movido pelo que acreditava,ele sabia quem ele era...
Não seja movido pelo que você ver,nem o que você sente,seja movido pelo que você crê.

Tão perto e tão longe...
Hoje acontece exatamente o mesmo que aconteceu com Jesus quando esteve aqui no mundo. As pessoas mais próximas poderão te desprezar,te odiar sem motivos e não te valorizar exatamente por não enxergar em você o que apenas pode ser visto com os olhos espirituais. A questão não é o fato de você não ter valor aos olhos de algumas pessoas,e sim, a forma que ele te veem. O problema não é você,pode ser os olhos que não é capaz de te enxergar como Deus te ver.
Enfim,o nosso real valor não está na forma que as pessoas nos veem e sim como Deus nos ver.
Mesmo que aos olhos de muitos,você não tenha valor por não ter um título,riquezas,enfim. Só o fato de Deus ter enviado o seu Filho Jesus para morrer numa cruz em teu lugar,isso prova que Ele te enxergou da maneira certa. Então,não importa como os outros te veem. Assim como o Rei Jesus foi mal visto,mal interpretado,mal tratado,enfim,Ele sofreu o tempo todo durante o seu ministério aqui na terra,por não ter o título que o fizesse "grande" aos olhos daqueles que só enxergam isso. Jesus não veio ao mundo para ser "grande" aos olhos humanos e sim ser quem de fato Ele é aos olhos daqueles que enxergam não pelo natural e sim com os olhos espirituais da fé.
Deus não enviou Jesus não para ser um grande arquiteto humano para fazer grandes espetaculares construções na terra; e sim para construir o seu Reino dentro daqueles que creem no seu Evangelho.
O propósito de Deus não era do seu filho Jesus ser um famoso médico e através da medicina salvar milhares de vida;esse belíssimo oficio que eu admiro muito quem tem esse dom e exerce esse ofício,é para os seres humanos,porque Jesus veio para curar e fazer milagres sem nunca ter usando um remédio ou instrumento cirúrgico material,sem nunca ter recebido nenhum diploma na vida,Ele não precisava de mais nada além da fé.
Eu ouvi certa vez um relato de uma jovem que era filha de um famoso médico e que sonhava em ver a sua filha também médica. Ela então se converte ao Evangelho de Jesus e decide ser missionária,dedicar a sua vida 100% para Deus. E antes de sair de casa,ela fala para o seu pai: " - Pai,eu sei que o senhor é um grande médico. Me perdoe por não ter sido o que o senhor desejou para a minha vida. Eu deixo para o senhor cuidar do corpo das pessoas. Eu porém,vou dedicar a minha vida para cuidar da alma e do espírito delas e prepará-las para a eternidade." Olhando com os olhos humanos,a atitude dessa moça pode ser uma loucura,porém enxergando com os olhos espirituais, é um ato de submissão aos planos e propósitos de Deus para a sua vida,muitas vezes os planos de Deus são diferentes dos nossos planos. 
O propósito de Deus muitas vezes não é a nível material e sim espiritual. Afinal,Deus nos criou para a eternidade. 
A Bíblia declara que seríamos os mais infelizes dos homens se a nossa esperança em Cristo,fosse apenas aqui nesse mundo.

(1 Coríntios 15:19) Se a nossa esperança em Cristo só vale para esta vida, nós somos as pessoas mais infelizes deste mundo.

Jesus foi enviado por Deus com o propósito além do natural. Uma missão que só pode ser vista por aqueles que são capazes de ver com os olhos espirituais da fé,por isso que Ele estava TÃO PERTO E TÃO LONGE daqueles que só enxergavam o com os olhos naturais aquilo que tinha valor material. Ninguém nunca enxergará o que é espiritual com os olhos naturais. Para ver o sobrenatural de Deus é necessário fechar os olhos naturais e começar a ver a vida,as pessoas,enfim,tudo e todos com os olhos espirituais da fé. 

JESUS... TÃO PERTO E TÃO LONGE dos que não conseguem ver. 

JESUS... TÃO LONGE E TÃO PERTO dos que conseguem lhe enxergar...

Ele foi,Ele é e sempre será o Rei.



Jesus ,Rei  dos reis... Senhor dos senhores...



Juciara Oliveira.


Derramando o bálsamo da Palavra de Deus no teu coração.








Apelo